Music On com o productor Aka-m: "Até no meu bairro fui crucificado, não me acreditavam, todo mundo dizia tu não vais ser nenhum productor"

É de costume ter convidados interessantes em nosso programa Music On "O Seu Programa De Entrevista", e desta vez tivemos o jovem natural de Luanda/Palanca com 25 anos de idade estudante universitário e trabalhador, productor e Ceo da Quentasso Produções, autor das produções dos hits "Pé No Ar - O Trio" & "Ninguém Foge - Os Moikanos", nomeadamente Queiro Monteiro Coxe conhecido artisticamente por Dj Aka-M.

Conheça o mesmo com base as informações dadas à entrevista exclusiva.


Historial da sua introdução no mundo productivo?

Segundo o mesmo productor, antes da sua entrada neste mundo (Produção Musical) já tinha o gosto pela música mas como fazedor, onde que por algumas dificuldades financeiras, como sendo adolescente na época não conseguia entrar em estúdio para eliminar a curiosidade que sentia de gravar uma música, até quando por ajuda do seu irmão mais velho foi levado a um estúdio e chegou a fazer a sua primeira música que foi bem recebida pelos habitantes da sua terra natal (Palanca) e que sinceramente foi um sucesso. Com isso, o mesmo não parou e foi continuando a entrar em estúdios e fazer músicas mas com bastante atenção ao outro lado pelo qual tinha paixão (Produção Musical), até quando certo momento já em 2007 recebeu oferta de um computador onde por curiosidade intensiva instalou programas relacionados a isto (Produção Musical) onde deu o princípio da sua carreira como productor.

"Fui aperfeiçoando ouvindo outros productores que já tinham nome, amanhecendo só para conseguir... Mas eu já fazia beats que íam para as ruas, acontecia que havia productores que ouviam e não acreditavam, isto por falta de algo que me identificasse".
"Até no meu bairro fui crucificado, não me acreditavam... Porque todo mundo dizia, ah! Tu não vais ser nenhum productor. Mas não olhei pra ninguém, não baixei a cabeça, decidi algumas coisas da minha vida, continuei o meu caminho". Acrescentou o Dj Aka-m.

O actual productor ainda revelou que, por causa da música já foi espancado por um grupo de jovens enquanto saía de uma productora a busca da sua música, quando fazedor.

Estilo que o caracteriza como productor, productor de inspiração, melhor produção até ao momento?

Sou um productor versace, e quero aprender mais ainda... Porque gosto de viajar, gosto de pegar qualquer estilo, desde que sai bem que a pessoa canta bem pra mim não há problemas. Eu recebo todos estilos, eu digo que sou capaz em fazer isso.

Se formos a falar de afro house, me inspirei muito no Dj Romano, sou fanático da produção dele e gostaria de estar com ele um dia pra dizer isso. Agora, se for pra falar em kuduro, nós vamos buscar em todos os cantos e não consigo dizer onde me inspirei". Disse o productor Aka-m.

Embora o mesmo tenha sido somente ouvido a partir dos hits `Pé No Ar - O Trio & Ninguém Foge - Os Moikanos`, o mesmo afirmou que a sua melhor produção até o momento é a música `Aleluia`, uma música no estilo Kuduro que também chegou a ter uma boa recepção pelos ouvintes. Acrescentou ainda que, até agora tem pessoas que tentam fazer aquele beat e não conseguiram e que já chegou a ouvir tantos mas que não lhe convenceram.

Productor angolano que darias 5 estrelas, a cerca do Gaia Beat?

Productor angolano que dou 5 estrelas e respeito muito é o Malária, productor da Dream Boyz. 

Gaia Beat,  acho ele um bom productor e criativo. Porque ele veio com uma só essência que é mesmo só dele, até porque já conheço ele há bastante tempo porque estudamos juntos no Ngola Kiluange, respeito muito e gosto muito do trabalho dele.

`É muito bom quando um productor angolano faz coisas que já saem daqui para outro lugar`.

Com qual dos músicos gostarias de trabalhar, ídolo?

Gostaria de trabalhar com Anselmo Ralph, sou fanático do NGA e quem eu gosto de ouvir a cantar é o Cef. Me dá muita inspiração como productor para produzir.

Segredo de uma boa produção?

Sobre o segredo de uma boa produção, o mesmo disse basta Fé e Dedicação. Com base a programação, o mesmo disse que como productor tem de saber encarar tudo, há quem gosta trabalhar com programas novos e há quem gosta dos antigos. Mas com antigo, acontece que estará atrasado em termos de efeitos.

Disse o Aka-m: A música que meteu o pessoal a despertar, a prestar atenção no Aka-m sinceramente é o Pé No Ar. Mas que já vem a tocar por esta Angola há tanto tempo com a música BAYÉ.

Sobre a produção do Pé No Ar?

Eu digo assim, como productor, como homem e como músico... Não podemos parar por mais que tiver nome, fama, não podemos parar, quando nós gostamos de algo temos de ir mesmo atrás. 

Na época estava ai a tocar a música `Quadradinho` do Baixinho Requintado, eu gostei dele e falei com ele... Ligava sempre para ele «Ola! Tu tens que vir fazer uma, cena porque vai ser um previlégio tu estares aqui fazer um dueto com Aka-m», e ele sempre me mandava aguardar. Mas acontece que foi um dia cheguei da universidade e ele liga pra mim diz: Olha Aka-m, nós agora temos um grupo O Trio.
- Eu disse, olha manos vêm pra o estúdio, eles apareceram chegaram cantaram e deixaram toda responsabilidade pra mim. Mas antes de saírem foram deixando vídeos com as suas dicas... «O Aka-m vai ser assim, vai ser X», e hoje tornou realidade.

Hoje as pessoas ligam, falam, a minha família, hoje os meus pais confirmaram.

Palavras, metas?

Agradeço muito à Deus hoje por ser o Aka-m, a minha família e aos meus pais que também não falta aquele conselho, aos que têm me dado muito garra, todo pessoal. As vezes é muito assustador pra muitos... O Aka-m não é o que vocês pensam, o Aka-m somente dispara nos beats.

Ainda acrescentou o productor que, faz parte do novo time 600 Niggaz (novo grupo de rappers) já com a função de productor audiovisual.

Conselhos aos restantes músicos e productores?

Eu digo sempre, não param de produzir, façam aquilo que vocês gostam. Hoje é sou eu amanhã será vocês, o mundo tem dessas... Productores, músicos continuem, Deus vai abençoar!


Sem comentários