Music On com Kiambote: "O Rap está numa boa linhagem porque há bons rappers até agora, o que falta é mais divulgação e liberdade"

Nesta Quarta feira (1), o nosso programa Music On "O Seu Programa De Entrevista" teve como convidado o músico Kiambote Quissanga Passo, ele que é autor de diversas músicas como a destacada "A Sogra", música que por muitos é interpretada com o título "O Cambumbu".

Kiambote Quissanga Passo, é um jovem nascido na província de Luanda, município do Sambizanga, actualmente membro das Forças Armadas Angolanas na área da Direcção de Educação Patriótica e Recriação Cultural. Segundo o mesmo durante a entrevista, a sua infância não foi fácil, isto por não ter tido acompanhamento e educação dos pais. Teve como seu ponto de partida de sobrevivência as ruas, viveu em diferentes habitações dos amigos no qual partiu maior parte da sua educação.


Numa era em que o seu município, Sambizanga, foi tão atormentado com a forte delinquência, Quissanga afirmou que mesmo com as dificuldades passadas durante a sua infância ainda assim resistiu a entrada no mundo da criminalidade e decidiu seguir um outro rumo, escolhendo a música para o caminho do sucesso. Tal como hoje, é um músico e reconhecido no mercado musical angolano.

Introdução à música, caminhos?

Kiambote, teve a sua entrada no mundo musical nos anos 1998/1999 no qual tinha como principal ponto de influência o ex-grupo musical angolano, Os SSP, isto pela máxima escuta e gosto pelo grupo. Nos anos 2000/2001, o músico participou no concurso Angola em Paz realizada pela Orion, mesmo ano em que gravou a sua primeira música que contou com a participação da antiga banda musical angolana, Kiezo. Já no ano 2002 fez a sua primeira música por cima de um instrumental.

"A paixão começa nos anos 1998, de lá pra cá, eu considero dos anos 2000 até aqui, disse Kiambote.

Reaçepção do público durante a caminhada, estilo que o identifica?

Segundo o músico Kiambote durante a entrevista no Music On, a recepção do pessoal foi difícil!

Em 2004 começou a participar num dos maiores e melhores concursos de rompimento musical que existia em Angola, Big Show Cidade, tornando-se uma das referências e grandes MCs do concurso, isto pela maneira que fazia o seu freestily. Embora não tenha ganhado grandes batalhas e chegar em nenhuma das finais do concurso, conquistou inúmeros fãs e admiradores na época.

"Eu nuca passei por um outro estilo musical, o que eu sei cantar é Rap, mas o meu Rap eu canto em qualquer instrumental. Se eu cantar num beat de Kizomba, não estou a cantar Kizomba, você vê que estou a dropar Rap, mas o beat é Kizomba. Se eu cantar num beat de Afro House, não estou a cantar House, estou a cantar Rap, disse Kiambote Quissanga Passo."

Sobre o sucesso musical "A Sogra", historial?

A música "A Sogra" que por muitos é conhecida como "O Cambumbu" tem 6 anos de existência, contou com guitarra de Cocky, captação e mistura de Dj Filas Angola e letra de Kiambote.

Kiambote acrescentou ainda que entre esses 6 anos, a música "A Sogra" apenas tem 2 anos de existência desde que foi gravada, mas que sempre teve uma boa recepção por parte do público mesmo quando apresentada e cantada ao vivo. A sua primeira apresentação televisiva foi há 3 anos no programa Tchilar da TPA 2 e de maneira ao vivo, facto que por parte da equipa do programa referido, no princípio originou desconfiança se na verdade conseguiria apresentar a música (Ao Vivo) tal como afirmava e ainda pior quando visto como novo talento.

"Relembrar que nas TVs angolanas esse tipo de apresentação, actuação musical (Ao Vivo) não é comum."



Depois da actuação musical no programa Tchilar naquele mesmo ano, em seguida por via de um blogger a música foi lançada para internet e chegou atingir um número maior de audiência, visualizações que envolveu recepção de várias mensagens de felicitação pela música. Até quando ela caiu no esquecimento por um tempo.

Depois de ter caído no esquecimento, já recentemente numa fase em que o seu colega e por coincidência amigo de infância estava em fase de lançamento do seu último álbum, Dr. Romeu, pegou na música e introduziu em seu álbum como a última e música do mesmo.

Depois do lançamento e venda deste mesmo álbum de Dr. Romeu, a música voltou a ter uma boa apreciação, motivo pelo qual surgiu a ideia de fazer o vídeo clip de maneira rápida que em pouco tempo de lançamento no canal afro music ganhou a audiência e o sucesso que tem actualmente.

"Dentro dessa mesma história, Kiambote não deixou de pronunciar que foi graças ao Dr. Romeu que já chegou a pisar em grandes palcos, que ele impulsionou na sua carreira no que diz respeito a persistência. Conhece 17 províncias angolanas graças ao mesmo. Agradeceu!"

Com base a reciprocidade actual por parte dos ouvintes, o músico afirmou ao Music On que graças à Deus depois do lançamento do vídeo clip do seu sucesso musical "A Sogra", a reciprocidade melhorou chegando ao ponto em que quando se encontra nas ruas as pessoas chegam por perto, afirmando serem fãs, dar carinho e elogiando pela música.

Hip Hop Angolano, preferências, visão?

"O Rap está numa boa linhagem porque há bons rappers até agora! O Dr. Romeu, bom rapper, Kid MC, bom rapper, NGA e Prodígio, bons rappers. O que falta é mais divulgação e liberdade, isto porque o Rap é uma música de intervenção social.
O que falta é mais divulgação e liberdade, abrem também um programa (canal) televisivo de Rap, tal como fizeram com o BeKuduro. O Rap está bom!"

Questionado sobre os rappers que merecem o seu respeito, Kiambote diz existir tantos e citando alguns como: Yannick Afroman, Dji Tafinha, Pai Grande O Poeta, Big Nelo e Vui Vui, mas especificando em termos de métodos de trabalho, Big Nelo, Vui Vui e Dji Tafinha.

Dji Tafinha pela forma que trabalha, organização. Eu quero chegar a esse nível, disse Kiambote!
Vui Vui, não é por ser um amigo meu, mas pela visão. É um rapper com muita visão, se soubesse fazer cantos seria mais um dos artistas e Tawas!
Mas o número 1 de todos esses, Big Nelo, porque é um que começou quando nós ainda saíamos ranhos e até agora é o "BIG NELO".

"No que diz respeito a música, o autor da música "A Sogra" ressalvou dizendo: "Big Nelo não me convence tanto, mas já me convenceu tanto. Já cantou muito e muitas pessoas esquecem!"

Indo para o estado do Rap New School, Kiambote Quissanga Passo afirma que eles são bons rappers, porque muitas das vezes não é o que eles falam mas sim o que eles fazem. Cada um canta o que vive, são bons rappers e o Rap tem de inovar!"

Durante a conversa, o músico ainda acrescentou que a diferença é o ponto positivo para o sucesso e aconselhando os músicos a fazerem diferente. Visto que os ouvintes querem originalidade.

Conselhos, incentivo?

Para os diferentes tipos de artistas o autor da música "A Sogra" diz: Nem todo mundo nasceu para ser estrela, mas acreditar é sempre essencial.

"A minha música "A Sogra" tem 6 anos, e sucesso é só agora, porque eu insisti e acreditei."

"Ressalvar que o mesmo está já em fase de lançamento da sua próxima música que contará com a participação de Ésio do Dadão, e neste dia 24 de Novembro por motivos de trabalho se fará presente em Moçambique."


Clica play e ouve a entrevista online...


Sem comentários